A Superação de Empresas Familiares a Períodos de Crise - Cepecaf

Cepecaf - Centro de Pesquisa e Capacitação do Agronegócio Familiar

(16) 3209-7259 | (16) 99975-0502
Cepecaf - Centro de Pesquisa e Capacitação do Agronegócio Familiar

Blog

A Superação de Empresas Familiares a Períodos de Crise

Crise. No Brasil, este é um termo que temos ouvido muito nos últimos 8 anos. Podemos pensar no âmbito político, econômico, social ou até mesmo sanitário, em qualquer um deles a crise se encontra presente. Este termo gera diversas consequências para o nosso cotidiano e para nos atermos a uma destas perspectivas, vamos focar nas empresas. Se você parar para pensar, o que a crise ocasiona para as empresas?

Em diversos telejornais, mídias sociais ou qualquer outro meio de comunicação utilizado, é notório ver empresas reduzindo o número de filiais, demitindo funcionários e até mesmo encerrando suas atividades por não conseguir lidar com a crise. E, querendo ou não, lidar com a crise é algo essencial para que as empresas mantenham suas atividades, pois nunca sabemos ao certo quando ela irá ocorrer. Por exemplo, quem imaginaria que um vírus causaria tudo o que causou entre março de 2020 e novembro de 2021 (e seguirá causando, pois as consequências dele seguirão por alguns anos)? Esse tipo de situação não é esperado pelas empresas, mas mesmo assim você como gestor deve lidar com isso para manter sua empresa em atividade.

Há pouco, elenquei algumas consequências para empresas no geral, mas agora pare para imaginar as consequências que uma crise como esta pode gerar para uma empresa familiar.

Da mesma forma que grandes empresas, as empresas familiares também sofrem consequências com uma crise e necessitam enfrentar isto para honrar com seus compromissos e manter o sustento da família. É complicado, mas como diz aquele ditado: “quem ‘tá’ na chuva é pra se molhar”, e os gestores de empresas familiares devem pensar em como sobreviver, como superar uma crise. Porém isto é diferente de grandes empresas, pois em empresas familiares existe um apego emocional com a empresa, com o caminho percorrido para crescer, bem como laços fortes entre os membros da família e também com os funcionários que ali trabalham.

Para ilustrar o que foi comentado e entender como empresas familiares superam períodos de crise, irei apresentar de forma breve dois casos analisados em minhas pesquisas sobre a mesma empresa familiar. Para contextualizar, a empresa em questão, desde sua fundação em 1991, tinha sua sede localizada em um trailer fixado à calçada nas proximidades de uma Universidade da cidade de Pelotas/RS. Atualmente, a empresa conta com cinco unidades na cidade administradas por três membros da família e outros 80 funcionários.

O primeiro caso envolve mudanças na estrutura da empresa. O ano era 2013, a empresa familiar do ramo alimentício da cidade de Pelotas/RS enfrentou sua pior crise até aquele momento. Por meio de um Decreto Municipal, trailers fixados a rua deveriam ser removidos ou se locomover de sua localização após o fim do expediente. Os membros da família em um primeiro momento hesitaram em fazer tal mudança por conta de seu apego àquela calçada, pois ali se construiu toda a história da empresa. Contudo, a mudança necessitou ocorrer, um prédio distante um quarteirão da localização inicial foi adquirido e a empresa se adaptou aquela situação política para manter suas atividades, mas levou o trailer consigo e o instalou no interior do prédio como uma marca de sua história. Com a aceitação da mudança e a adaptação a ela, a empresa conseguiu manter suas atividades e seu crescimento, pois perceberam que não era a localização que fazia a empresa e sim seus produtos e seu atendimento.

O segundo caso abrange a crise sanitária da Covid-19. Neste cenário diversas empresas não conseguiram manter suas atividades, mas não foi o caso da empresa familiar que citei anteriormente. A pandemia trouxe diversas consequências tais como: a redução do número de clientes e pedidos, o medo de contaminação, entre outros. Mesmo assim, a empresa não demitiu funcionários, como alternativa ela renegociou contratos e adotou táticas para mostrar aos clientes todos os cuidados tomados, e assim tem superado a crise sanitária que ainda não se extinguiu. A pandemia, embora tenha causado dificuldades, trouxe muitas lições para a empresa, muitos aprendizados, o que fez com que proprietários e até mesmo funcionários apontassem que: “se superamos a pior crise de nossa história, porque não vamos conseguir superar qualquer outra que venha pela frente”.

Em ambos os casos, é perceptível a resiliência dos membros da família para manter sua empresa em atividade e superar a crise. Este deve ser o suporte para que empresas familiares enfrentem situações desafiadoras, buscar alternativas, não desistir, ser resiliente. É algo subjetivo, varia de gestor para gestor, mas uma empresa familiar, com suas características singulares de apego a sua história, assim como os laços formados e firmados são o alicerce para superar diversas barreiras. Finalizo este texto apontando com base na minha experiência como pesquisador de empresas familiares que as crises sempre vão seguir a trajetória das empresas e, frente a isto, elas devem desenvolver um senso de adaptação, aprendizagem e aceitação da mudança para superarem os momentos difíceis e seguirem com suas trajetórias de sucesso.

 

Gostou do texto? Curta!

O conteúdo foi útil? Compartilhe.

Compartilhe esse artigo

SOBRE O CEPECAF

O CEPECAF – Centro de Pesquisa e Capacitação da Empresa Familiar tem como propósito dar visibilidade a um tipo de organização de extrema importância econômica e relevância social em nível mundial: a empresa familiar.

O CEPECAF nasceu na FCAV-UNESP, campus Jaboticabal – SP, sob a coordenação geral da Profa. Dra. Lesley Carina do Lago Attadia Galli, docente e pesquisadora da instituição. Atualmente, o grupo vem ampliando sua abrangência, englobando estudantes e pesquisadores de outras universidades brasileiras e do exterior.

A presença do CEPECAF em uma plataforma digital é uma conquista muito importante na medida em que aproxima ainda mais o grupo da comunidade, por meio da articulação de diferentes mecanismos de comunicação e interação junto ao nosso público-alvo.

Certificado pelo CNPq, o CEPECAF realiza diversas de atividades de ensino, pesquisa e extensão, esperando contribuir de maneira efetiva para o desenvolvimento e sustentabilidade das empresas familiares.

Cepecaf - Centro de Pesquisa e Capacitação do Agronegócio Familiar


    Endereço

    UNESP
    Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias - FCAV - campus Jaboticabal
    Departamento de Economia, Administração e Educação - DEAE

    Telefone

    (16) 3209-7259

    (16) 99975-0502

    Email

    contato@cepecaf.com.br